Poeticanto da Ana Esther

POETICANTO
 
Sim, eis aqui o canto poético da Ana Esther.
Poemas, prosa-poética, delírios literários...
Apareçam para conferir!

***


***
O meu poema Pascal na revista on-line Varal do Brasil da Jacqueline Aisenmann em Genebra... põe chique nisso!!!





Anagrama composto em homenagem ao 7o aniversário da Oficina Literária LETRAS NO JARDIM, idealizada por Milka Plaza - uma pérola chilena que brilha em solo brasileiro - viva!!! 

Poema UMA ILHA CHEIA DE BRUXAS afixado na parede do Café Cultura, Praça XV em Florianópolis, SC em07/11/2013, dia do lançamento do meu livro LENDO NAS ENTRELINHAS... que foi a fonte de inspiração para a composição do poema!




Pedido de um Peão


                                   a Nossa Senhora Gaúcha do Mate

Por favor nunca deixe faltar
no meu rincão
um bom papo,
uma boa prosa,
uma grande roda de chimarrão
ao redor de um fogo de chão!

 
 
AnaEsther
(14/07/2012)


***
 



Um Desconto Especial

Ana Esther
(23/01/2014)

 

O conto que te conto agora

é um conto do vigário...

...ou um conto do bilhete premiado.

E por teres caído neste conto

o desconto especial que recebes

é o título deste conto...

que acabo de te contar,

agora!

***
 
A Alma de Artista e o Ovo
                                                                                                                 Ana Esther
(18/11/2013)
 


Ovo frito de novo...

O primeiro foi de nanquim, no papel branco.

E este cor-de-rosa, de massa de modelar.


Será que um dia conseguirei um ovo de verdade fritar?


 
 
 
10/07/2004
 
***
 

Deus dos Mares
Ana Esther
(21/10/2010)
 
 
      A menina na praia fitava o mar. Ventania. O
mar estava revolto, as ondas altas, cheias de espuma,
chocavam-se umas contra as outras. Porém, a
menina sentiu uma calmaria vinda das ondas. Era
Netuno que a observava também.
 
***

 

 
 


Um comentário:

Milka Plaza disse...

Adorei seu ovo frito!
Beijos e boas inspiracoes!
Milka.